História do Overload – Site suspenso por consumo excessivo de recursos

0
147
views

cpuO seu site foi suspenso pelo seu fornecedor de serviço de alojamento, sendo o consumo excessivo de recursos a razão da suspensão? Não sabe o porquê de isto acontecer? Então nós explicamos.

Imagine que tem um site alojado dentro de um servidor partilhado que ao longo do tempo foi crescendo. Vamos supor que o seu site é um carro e que o servidor é uma estrada publica.

A sua viatura é um Ferrari topo de gama e encontra-se a fazer um percurso numa estrada publica, tendo obrigatoriamente que cumprir o limite máximo de velocidade legal. Tem certamente a consciência de que caso ultrapasse esse limite, poderá vir a provocar acidentes na via e ser multado pelas autoridades competentes.

Neste caso, imagine que o seu carro vai a uma velocidade superior aquela permitida por lei e que a sua condução está a prejudicar todos os restantes utentes da via publica. Se não consegue manter o seu carro abaixo do limite máximo de velocidade que lhe é imposto, então está a cometer uma contra-ordenação. Para poder ultrapassar o limite de velocidade legal, terá que alugar uma pista privada com condições apropriadas para competição.

Com o seu site passa-se a mesma situação. Se o seu site está alojado num servidor partilhado, deverá ter a noção que o bom funcionamento do mesmo irá depender de uma utilização dos recursos responsável por todos os clientes.

Caso o seu site esteja a consumir demasiados recursos (Memória, CPU, I/O) no servidor, irá certamente prejudicar o funcionamento global do servidor e de todos os sites dos restantes clientes alojados nesse servidor aumentando o Load do mesmo, fazendo com que a equipa técnica do fornecedor de alojamento tenha que proceder à suspensão do seu serviço de forma a reestabelecer a estabilidade do servidor.

A suspensão do serviço por vezes tem que ser imediata, não havendo tempo para que o cliente seja previamente notificado da anomalia, uma vez que a partir do momento em que o servidor deixar de responder, todos os restantes clientes estarão sem serviço. Por vezes, o fornecedor do serviço poderá exigir o pagamento de uma quantia para a reactivação do seu serviço de forma a cobrir os prejuízos causados pela situação.

Apesar de já existirem soluções como o CloudLinux que previnem estas situações de acontecer, nem sempre é fiável e vantajoso para os clientes, uma vez que poderá prejudicar o funcionamento de um script que necessite de usar uma maior carga de recursos num curto espaço de tempo.

Uma boa solução para evitar o consumo excessivo de recursos do servidor por parte do seu site, é efectuar regularmente manutenção e optimização das tabelas MySQL, manter o seu site optimizado recorrendo a um sistema de Cache, utilizar apenas software estável e de fonte viável e poderá também activar o serviço CloudFlare de forma a reduzir o consumo de recursos no servidor central.

Quando verificar que já não consegue optimizar mais o seu site e que um serviço de alojamento partilhado já não é suficiente, deverá então pensar em optar por efectuar um upgrade para um servidor virtual ou servidor dedicado com recursos alocados unicamente ao seu site. Desta forma não terá problemas em ter o seu site suspenso e não irá prejudicar os clientes do fornecedor de hosting.

Se gostou deste artigo, poderá também ler a informação que publicamos anteriormente no nosso blog sobre “Porque é que a sua conta de Alojamento foi suspensa“.