Tipos de Malware

0
86
views
Alojamento Web SSD

O termo Malware é um acrónimo que se refere a malicious software, ou seja, software malicioso.

No entanto dentro do software malicioso existem várias categorias, como por exemplo o Adware, Ransomware, Rootkits, Spyware, Trojans, Worms, entre outros.

Abaixo descrevemos alguns dos tipos de softwares maliciosos que existem:

Adware

  • O que faz? Espalha automaticamente publicidade
  • Exemplo: as pop-ups com publicidade de serviços ou produtos em determinados websites
  • Objectivo: Lucro com retorno da publicidade
  • Problema: Pode ser utilizado para espiar a sua actividade e os seus dados, podendo tornar o seu computador lento.

Bots

  • O que faz? Permitem que os hackers consigam controlar o seu computador remotamente
  • Permitem que seja criada uma Botnet, ou seja, uma rede interligada com outros computadores infectados
  • Podem permitir o roubo de dados, envio de Spam, entupir ou estagnar serviços da Internet e muito mais
  • Normalmente são obtidos através do download de ficheiros de sites maliciosos ou software comprometido
  • Nem todos os bots são maus. Por exemplo, o Google tem bots de indexação que permitem rastrear o seu site e catalogar as páginas no motor de busca

Ransomware

  • O que faz? Encripta os dados do seu computador, sendo-lhe posteriormente exigido o pagamento de uma quantia elevada para a recuperação / resgate dos mesmos;
  • Media de pagamento é de 1071$ segundo o site thebesttvpn.com
  • É espalhado como um Worm pelas redes de computadores
  • Caso não pague o valor e não tenha backups da informação, poderá perder parte ou a totalidade dos seus dados

Rootkit

  • O que faz? Permite o acesso e controlo do seu computador remotamente
  • Dificilmente são detectados, sendo possível esconderem o facto do seu computador estar infectado
  • Um rootkit em si poderá não fazer estragos, mas permitir que outro tipo de malware o faça.
  • “User Mode Rootkits” são direccionados ao Windows e executam no início do computador Spyware
  • Analisa e regista a actividade do utilizador sem o seu conhecimento
  • Monitoriza tudo o que o utilizador faz, incluíndo mensagens privadas e registo de teclas utilizadas (keylogger)
  • O Keylogger regista todas as teclas premidas na utilização normal do computador, podendo ser utilizado para rastrear conversas, passwords, números de cartões de crédito, etc
  • O Spyware pode alterar as definições de segurança e privacidade do seu computador e tornar o mesmo mais lento ou inclusive bloquea-lo

Trojan

  • O nome Trojan tem este nome devido a funcionar exactamente como um “Cavalo de Troia”, disfarçando-se de um ficheiro ou programa normal.
  • O que faz? Engana o utilizador, levando o próprio a descarregar e instalar software malicioso sem este se aperceber
  • Permite o acesso remoto ao hacker de forma a que este possa instalar mais malware e monitorizar a utilização do computador
  • O objectivo principal é o roubo de informação, podendo afectar não só computadores pessoais como também dispositivos móveis